Brasileira em Bagdá: "Iraquianos dizem que têm pouca esperança&qu

| 29/06/2004 - 00:00


A fotógrafa brasileira Marina Passos, que está em Bagdá há oito meses, disse que os iraquianos em geral têm pouca expectativa quanto a grandes mudanças na situação que o país enfrenta no curto prazo, apesar da transferência de poder. Marina, que está trabalhando no Iraque a serviço da agência de notícias France Presse, afirmou que os iraquianos estão tentando levar uma vida normal, apesar de dois principais problemas: o desemprego e a violência. Leia abaixo algumas de suas declarações à BBC Brasil


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE