Resultado do caso do pastor Koh deve sair ano que vem

Depois da última audiência, em que três testemunhas e a esposa do pastor foram ouvidas, espera-se a conclusão do caso

| 12/12/2018 - 00:00

Enquanto espera, Susanna tem organizado reuniões e vigílias de oração em prol do marido e outros desaparecidos

Enquanto espera, Susanna tem organizado reuniões e vigílias de oração em prol do marido e outros desaparecidos


A Comissão de Direitos Humanos da Malásia (Suhakam) concluiu o inquérito sobre o desaparecimento do pastor Raymond Koh, que foi sequestrado em plena luz do dia por homens mascarados em 13 de fevereiro de 2017. As últimas três testemunhas compareceram para depor na sexta-feira, 7 de dezembro. Espera-se que a Comissão apresente suas conclusões e recomendações ao parlamento no próximo ano.

A esposa do pastor Koh, Susanna Liew, que foi reconvocada como testemunha na última audiência, disse que foi um alívio chegar ao fim do inquérito e que as conclusões da comissão são "esclarecedoras". Ela disse: “Esperamos e temos grande expectativa de que Raymond e os outros serão libertados e que será feita justiça aos culpados. Também esperamos que o governo aja sem medo e que haja uma breve solução. Já são quase dois anos”.

A Suhakam também está investigando o desaparecimento de outro pastor, Joshua Hilmy, um cristão ex-muçulmano, e sua esposa Ruth Sitepu, uma cristã de Kalimantan, em Bornéu. Grupos não-muçulmanos permanecem receosos de que o casal tenha sido sequestrado por muçulmanos, visto que a intolerância do islã na Malásia aumentou, buscando impor a sharia (conjunto de leis islâmicas) no país. As investigações sobre o caso do ativista Amri Che Mat, também desaparecido em circunstâncias semelhantes, já foram encerradas.

Continue orando pelo pastor Raymond Koh, juntando-se à oração de sua esposa, para que os culpados sejam punidos e todo o caso seja esclarecido. Interceda pela família, para que tenha força para esperar o resultado do inquérito e que mantenha a esperança firme no Senhor.

Leia mais
Sessão final de investigação sobre o pastor Koh será hoje
Petição por Raymond Koh é entregue à embaixada da Malásia
Juntos para encontrar o pastor Raymond Koh


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE