Região muçulmana é atacada na China

| 05/09/2017 - 00:00


05-china-adolescentes-muculmanos

Devido a ataques ocasionais, uma tensão está crescendo em uma região muçulmana na China, segundo contato local da Portas Abertas. Por volta das 9 horas do dia 1 de setembro (sexta-feira passada), um homem bateu uma caminhonete em alta velocidade em uma multidão que fazia compras em uma feira matinal que acontece na área. Uma pessoa morreu e sete ficaram feridas.

Por causa disso, o clima na cidade está tenso. A segurança foi reforçada em áreas sensíveis como Xinjiang. Desde o começo deste ano, o aumento do controle de segurança e restrições foram aplicadas em Xinjiang. Isso visa controlar possíveis atividades de extremistas muçulmanos e evitar conflitos entre muçulmanos e cristãos. Existem estações de polícia e patrulha policial em cada 300 metros.

A verificação de itens pessoais é frequente em áreas públicas, como também em shoppings e cinemas. Assim, a entrega de livros e materiais cristãos é facilmente descoberta e arriscada. Os muçulmanos e os cristãos, em particular os cristãos ex-muçulmanos, são monitorados, e as atividades religiosas fora das mesquitas são denunciadas e interrompidas ao serem descobertas. Os cristãos que são conhecidos pelas autoridades estão sendo forçados a diminuir a frequência de suas atividades de comunhão.

Pedidos de oração

  • Ore para Deus proteger os cristãos, em especial os ex-muçulmanos, em suas atividades na igreja e enquanto carregam materiais cristãos.
  • Interceda para que os convertidos do islamismo continuem fiéis ao Senhor e que vivam vidas que glorifiquem a Deus.
  • Clame por paz na China e que o nome do Senhor seja exaltado.

Leia também
Na China, igreja da minoria Qiang tem se solidificado
Ore pelo trabalho entre os tibetanos


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE