O desafio ao realizar cerimônias cristãs em funerais

Atitude de irmãos da Ásia Central resulta no início ou aumento de perseguição islâmica

| 19/07/2018 - 00:00

Policiais realizam visitas para observar, coletar informações e questionar membros da igreja de Hasan (Foto representativa)

Policiais realizam visitas para observar, coletar informações e questionar membros da igreja de Hasan (Foto representativa)


Hasan* é do Quirguistão e perdeu o pai Rasul, que era cristão ex-muçulmano, devido a uma doença no coração. No funeral, decidiu fazer uma cerimônia cristã, o que foi um ato corajoso já que muitos dos parentes são muçulmanos. Isso gerou um problema para ele e a mãe, com o aumento da perseguição de familiares islâmicos e da comunidade. Alguns parentes cortaram o contato e os ignoram quando se encontram. Agora, Hasan precisa voltar para outra cidade onde exerce seu ministério, mas está preocupado com a mãe nessa situação.

Além disso, integrantes do serviço de segurança e policiais tem ido aos cultos todos os domingos na igreja de Hasan. Ficam observando, coletando informações e questionando as pessoas. Ninguém sabe qual será o resultado dessas visitas.

O enterro de cristãos falecidos ou de algum membro da família é sempre um problema para ex-muçulmanos da Ásia Central. Nos últimos dois meses, muitas famílias enfrentaram sérias resistências de comunidades islâmicas locais e religiosos da região do Quirguistão, Tajiquistão e Cazaquistão.

Pedidos de oração

  • Apresente ao Senhor as vidas de Hasan e sua mãe, para terem sabedoria e graça para lidar com essa situação. Clame também pela igreja que eles frequentam, para que possam mostrar Cristo enquanto são observados.
  • Ore pelas famílias de Rasul*, Umed* e Jahan*, do Quirguistão, de Kamila*, do Tajiquistão e de Amira*, do Cazaquistão. Peça que elas sejam fortalecidas e para verem a mão de Deus em tudo que têm experimentado.
  • Interceda pelos cristãos ex-muçulmanos que sofrem duas vezes, ao perder pessoas queridas e ao enfrentar problemas na hora de enterrá-los.

*Nomes alterados por segurança.

Leia também
Igreja no Quirguistão é ameaçada de fechamento
Igreja queimada no Quirguistão passa por reforma
Rixa sobre enterro de cristão pode ter motivado incêndio


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE