Novo desafio na Planície do Nínive

Depois de um tempo em cidades grandes, jovens se sentem entediados com o retorno para suas cidades e vilas

| 30/08/2018 - 00:00

Ainda há muita destruição em Bashiqa, o que também afeta aos jovens

Ainda há muita destruição em Bashiqa, o que também afeta aos jovens


Durante a ocupação do Estado Islâmico no Iraque, diversas famílias desalojadas foram para grandes cidades, como Erbil e Duhok. Nelas há parques, cinemas e várias outras oportunidades de diversão. Porém agora, com o retorno das famílias para suas pequenas cidades ou vilarejos, onde muito da infraestrutura ainda está destruída, os jovens não têm muito a fazer. De acordo com Daniel*, um líder cristão local, “eles precisam de alguma coisa em que possam colocar suas energias, pois estão entediados”.

Este é um desafio inesperado quanto ao retorno das famílias para as vilas na Planície do Nínive. Segundo Shlama*, nosso parceiro local, uma das solicitações de diversos líderes cristãos é que “eles precisam de uma área de lazer, de um parque onde possam se encontrar ou de um centro social. Antes do Estado Islâmico, tínhamos alguns lugares para os jovens, mas agora não há nada. Eles viram coisas legais na cidade grande, o que torna mais difícil sua adaptação”.

Daniel explica que os jovens agora pensam que a vida em Erbil ou Duhok é melhor e a preocupação é que decidam deixar a Planície do Nínive novamente. “Alguns pais me falaram que os jovens estão os pressionando para fazerem isso”, afirma. A proposta do líder local é começar na vila algum projeto para os jovens. “Estou pensando em um centro social com atividades educacionais e também em atividades de verão. Nós precisamos ainda de uma quadra para basquete e vôlei”, acrescenta.

Media* é uma garota de 17 anos que recentemente voltou à Bashiqa com sua família. “Na cidade, tínhamos parques e um shopping. Precisamos de um pouco daquilo aqui, de lugares para estarmos uns com os outros. Minha vida agora se resume em comer, dormir, ir para a escola e a igreja. Como jovens, nós éramos mais felizes lá”, diz. Em Bashiqa, a igreja realizou um acampamento de três dias para os jovens e em breve também oferecerá ginástica para o mesmo público.

*Nomes alterado por segurança.

Pedidos de oração

  • Ore pela igreja na Planície do Nínive, por estratégias e recursos para a criação de locais para a juventude.
  • Peça a Deus por sabedoria aos pais, para que saibam lidar com os filhos nesse novo momento de adaptação.
  • Interceda pelos jovens iraquianos, que eles possam ter a compreensão e paciência necessária durante esse processo de reconstrução de vilas e cidades.

Leia mais
Cristãos retornam para casas reformadas em vila no Iraque
O processo de reconstrução em Qaraqosh, no Iraque
Família de Noeh conclui reforma de sua casa


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE