Governador de Nampula nega ter forçado religiosa a deixar o país

| 12/05/2004 - 00:00


O governador de Nampula, Abdul Razak, desmentiu hoje à Agência Lusa ter enviado uma carta à missionária brasileira Elilda dos Santos, pressionando-a a abandonar o país.

É falso. Nunca tive nenhum encontro com ela (Elilda Santos), disse Abdul Razak, mostrando-se surpreendido com a notícia de que a religiosa, ligada à denúncia do alegado tráfico de órgãos em Nampula (norte de Moçambique) fora pressionada a abandonar o país.

Leia mais no UOL


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE