Igreja é queimada no Estado de Andhra Pradesh

| 22/01/2007 - 00:00


Aldeões hindus do estado de Andhra Pradesh queimaram uma igreja independente cristã e o presbitério. O incidente aconteceu na vila de Pedda Demili na área de Bamini, no distrito de Srikakulam, no dia 1º de dezembro.

"A igreja de sapê e o presbitério na propriedade do governo foram incendiados por volta da meia-noite, enquanto o pastor Vijay Kumar estava com sua esposa e seu filho na casa de um parente", disse Sam Paul, secretário do Conselho Geral dos Cristãos da Índia (AICC, sigla em inglês).

De acordo com relatos de Sam Paul, o pastor Vijay saiu de casa à noite após uma reunião de oração e jejum na igreja.

"Alguns aldeões notaram uma fumaça densa e chamas saindo da casa, mas não tinham acesso à quantidade de água necessária para apagar o fogo", alegou Sam. "Esses aldeões avisaram imediatamente o pastor Vijay, mas quando ele chegou na igreja, ela já estava toda queimada. Todos os itens da casa e os instrumentos musicais que estavam lá dentro foram carbonizados."

Na manhã seguinte, dia 2 de dezembro, o pastor Vijay foi até a delegacia, mas não pôde registrar sua queixa porque o inspetor não estava. Sam disse que o AICC ajudou Vijay a registrar a queixa: "A polícia garantiu que as vítimas terão sua justiça," ele afirmou. Entretanto, ninguém tinha sido preso.
 
Sam disse que quatro aldeões, chamados Garla Jogulu, Palaka Rama Rao, Palaka Sanjeeva Rao e Palaka Parvathi, todos hindus, tinham ameaçado o pastor em setembro, dizendo que se ele não destruísse a igreja e se mudasse, eles a queimariam.

Incidentes violentos

A AICC relatou que mais duas igrejas foram queimadas em Andhra Pradesh recentemente. Enquanto os hindus fundamentalistas queimaram a igreja na vila Dubbaka, situada no distrito de Nizamabad, no dia 17 de novembro, outra igreja havia sido queimada na vila de Roadduvasala, no distrito de Vijayanagaram, um mês antes.

Sam Paul afirmou que, só em novembro, pelo menos sete incidentes violentos contra cristãos foram relatados.

A AICC declara que: "Os cristãos em Andhra Pradesh acreditam que os crescentes incidentes de perseguição contra os cristãos no Estado pode estar ligados a uma campanha feita pelo Partido Bharatiya Janata (BJP), partido nacionalista hindu, contra o governador do estado, Y. S. Rajasekhara Reddy, que é cristão."

Em Andhra Pradesh, onde a população total passa dos 76 milhões, há pouco mais de 1 milhão de cristãos.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE