Visões de Jesus acendem corações muçulmanos

| 10/12/2006 - 00:00


O chamado muçulmano para a oração ressoa por grande parte do planeta, onde mais de um bilhão de pessoas se afirma muçulmano.

Nos quase 1.400 anos de história do islamismo, muçulmanos resistiram ao evangelho. Muitos cristãos tentaram alcançá-los com as boas novas, mas com pouco sucesso.

Entretanto, de acordo com relatos do Oriente Médio e de todo o mundo, essa história está mudando.

Eu vejo muitas, muitas pessoas de contexto muçulmano se achegando a Cristo, aceitando-o como seu Senhor e Salvador", disse Nizar Shaheen, apresentador do programa cristão Luz para as Nações, visto em todo o mundo muçulmano. Isso acontece em todo o mundo.

O que acontece nos dias de hoje, no Mundo Muçulmano, nunca aconteceu antes", disse Zakaria Henein, sacerdote copta no Egito e evangelista. Ele diz que muçulmanos de todos os tipos estão aceitando Jesus Cristo como Salvador: Jovens e velhos, estudados ou não, homens e mulheres, até os mais extremistas".

Coração mudado
 
Um muçulmano extremista que veio a crer em Jesus Cristo é Samer Achmad Muhammed. Ele estudou por anos para se tornar um xeique wahabbi, uma das formas mais fanáticas do islamismo. Ele odiava os cristãos e a Igreja, mas seu coração foi mudado quando ele ouviu o evangelho.

Eu dediquei minha vida a Jesus Cristo, e ele me perdoou dos meus pecados. Ele me deu vida eterna e paz. Eu realmente sofro no meu dia-a-dia, mas tenho paz, tenho alegria porque Jesus está no meu coração."

Samer é apenas um dos que estão vindo a Jesus. Heidi Baker, dos Ministros Íris vê milhares de muçulmanos africanos recebendo Jesus e sendo batizados.

Esse é talvez o lugar do mundo onde eles estejam se achegando mais rápido. Muitas pessoas têm tido sonhos. Elas vêem Jesus lhes aparecer. Provavelmente metade dos nossos pastores eram líderes, imames nas mesquitas muçulmanas. Eles eram líderes muçulmanos, e agora são pastores."

Outro movimento evangelístico significativo entre muçulmanos liga a China e Jerusalém. Líderes de igrejas domésticas chinesas planejam enviar pelo menos cem mil evangelistas da China para muitos países muçulmanos até Jerusalém.

Tecnologia e sonhos

O movimento silencioso, mas poderoso, de evangelistas itinerantes está levando a história de Jesus Cristo aos corações do Mundo Muçulmano. Formas tecnológicas, como televisão via satélite e a internet também estão penetrando no mundo do islamismo.

Mas, por trás da tecnologia, muitos dizem que uma dimensão sobrenatural está trabalhando em todo o mundo islâmico.

Há um fenômeno dos finais dos tempos que acontece através de sonhos e visões", disse Christine Darg, autora do livro "As visões de Jesus: sinais e maravilhas no Mundo Muçulmano". Ela diz que Cristo está indo aos muçulmanos e revelando em particular as ultimas 24 horas de sua vida na terra: como Ele morreu na cruz, como ele ressuscitou da morte, e como Ele é o Filho de Deus, elevado em poder - coisas que o islã não ensina.

Recebemos muitas cartas sobre pessoas que tiveram sonhos com o Senhor, visões e até milagres", conta o apresentador Nizar.

Mas os muçulmanos que aceitam Jesus sofrem perseguição, discriminação ou até a morte. Apesar do perigo, muitos continuam a praticar sua fé e levar outros a Jesus.

Alguns acreditam que a resposta da Igreja à jihad deve ser uma proclamação destemida do evangelho aos muçulmanos. Através da oração e do evangelismo, muitos vêem esta como uma oportunidade sem precedentes.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE