Mesmo sob intensa perseguição, a Igreja cresce no Nepal

| 11/05/2006 - 00:00


Uma organização cristã interdenominacional que trabalha em defesa da liberdade religiosa e conscientização acerca dos abusos dos direitos humanos contra a igreja lançou uma campanha para ajudar a minoria cristã perseguida no Nepal.

No mês passado, o Departamento de Estado dos Estados Unidos distribuiu uma advertência para que os norte-americanos evitassem viajar para o Nepal em virtude dos conflitos civis que acontecem no país. Um relatório recente diz que o extremismo hindu está crescendo no Nepal e que aqueles que se convertem ao cristianismo enfrentam perseguição de líderes locais e do governo.

Nat Moffat é presidente da Christian Freedom International (CFI), uma organização que atua na distribuição de comida, remédios e Bíblias e providencia assistência legal aos cristãos do Nepal. Em recente visita ao país, ele disse que sua equipe ficou durante um tempo entre os membros das igrejas cristãs clandestinas e observou as condições que eles têm enfrentado.

Reuniões em cômodos minúsculos

"Igrejas domésticas, como em muitos outros lugares, são ilegais", observa Moffat. "Visitamos uma dessas igrejas em um local secreto em Katmandu e encontramos 26 pessoas em um cômodo minúsculo. Eles se reúnem aos sábados e há dezenas e dezenas de igrejas como essa."

De acordo, com o Departamento de Estado, os hindus formam 81% da população do Nepal, enquanto os budistas são 11% e os muçulmanos, 4,2%. Os cristãos, por outro lado, são menos de um por cento da população. Os oficiais da CFI relatam que os cristãos que vivem em um estado de maioria hindu estão enfrentando um tratamento cada vez pior, porém, segundo Moffat, a comunidade cristã está crescendo, apesar da oposição de líderes hindus e autoridades governamentais.

Boas e más notícias

"Um dos pastores com quem conversamos na igreja doméstica, cujas iniciais são D.K., observou que a perseguição está piorando para os cristãos", informou o porta-voz da CFI. Ele conta que o líder de igreja doméstica apontou que "há pastores presos e muitos líderes hindus não querem que o cristianismo se propague, mas ele diz que o evangelho está se espalhando rápido".

 De certo modo, o que está acontecendo no Nepal são "as boas e más notícias quanto à situação dos cristãos", observa Moffat. "Sim, eles estão enfrentando uma terrível perseguição", ele diz, "mas a comunidade de irmãos está crescendo rapidamente".


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE