Três garotas cristãs são decapitadas em área de conflito na Indonésia

| 01/11/2005 - 00:00


Três meninas foram decapitadas e uma quarta foi ferida gravemente ao sair de uma escola cristã na Indonésia.

Elas andavam por uma plantação de cacau próxima à cidade de Poso, na província central de Sulawesi, quando foram atacadas.

A polícia disse que as cabeças das meninas foram encontradas a alguma distância dos corpos.

Ainda não se sabe a motivação do ataque, mas o fato de as meninas freqüentarem uma escola cristã e de uma das cabeças ter sido deixada do lado de fora de uma igreja levou às especulações de que se trata de um crime com motivação religiosa.

A região tem uma longa tradição de violência religiosa entre muçulmanos e cristãos.

Conflito

Sulawesi e Poso em particular estiveram no centro de um grave conflito entre muçulmanos e cristãos em 2001 e 2002.

Mais de mil pessoas foram mortas até a assinatura de uma trégua promovida pelo governo. Apesar da redução na violência, porém, ela nunca terminou de vez.

A explosão de uma bomba em maio na cidade de Tentena, com maioria cristã, matou 22 pessoas e feriu outras 30.

O conflito há quatro anos atraiu militantes islâmicos de toda a Indonésia e alguns deles nunca voltaram aos seus locais de origem.

Os analistas dizem que os militantes têm como objetivo transformar Sulawesi na pedra fundamental da criação de um Estado islâmico.

Os analistas advertem que a violência pode voltar a se intensificar a qualquer momento.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE