Casal de missionários é agredido por pregar o evangelho

| 24/10/2005 - 00:00


Um pastor e sua esposa contaram como escaparam por pouco da morte em Ibeshe, na região de Ijegun, Lagos, porque ousaram pregar o evangelho e condenar a adoração aos ídolos.

O pastor Enoch Iburene e sua esposa, evangelista Lovina, naturais do estado de Bayelsa, disseram que saíram de sua casa em Ibeshe para o habitual clamor matutino, quando alguns rapazes os atacaram.

A evangelista Lovina disse: "Deixamos nossa casa como de costume naquela segunda de manhã, por volta das 6 horas. No caminho, sempre passamos no meio de um matagal e naquela manhã não houve exceção, assim que deixamos o matagal vimos alguns rapazes, cerca de seis deles. Eles estavam obviamente esperando por nós, e a primeira coisa que fizeram foi obstruir nossa passagem, depois nos atacaram, e nos atingiram com tudo que puderam ter às mãos".

"Eu não sabia que havia se tornado uma ofensa pregar na vizinhança e não tenho conhecimento de nenhuma lei que determine que devemos parar de pregar. Isso é o que eu e meu marido sabemos fazer. Nós somos missionários e é nosso trabalho nos certificarmos de que levamos o evangelho a todos com quem temos contato, e, desse modo, nossa vizinhança deve ser a primeira a absorver nosso impacto. Isso era o que meu marido e eu fazíamos e por isso nós quase fomos mortos".

O pastor Enoque alegou que pessoas importantes em Ibeshe estão cientes do ataque a eles, acrescentando que os homens que os atacaram estavam agindo a mando de alguém.
De acordo com ele, os nativos de Ibeshe não apenas adoram ídolos, como também vandalizam os oleodutos, fazendo furos nos canos e drenando óleo para grandes galões.

Ele contou: "Quando percebemos o que estava acontecendo, como ministros de Deus, isso seria requerido de nós como pecado, se deixássemos de falar com eles sobre seu ato pecaminoso e a conseqüência de tais atos. Mas, em vez de ouvirem a voz da razão, eles se voltaram contra nós, nos agredindo violentamente.
 
Isso é o que esse país se tornou? O cristãos precisam continuar sofrendo excessivamente pelo evangelho nesse país? Quanto tempo isso vai durar? O que aconteceu com a liberdade de religião que está estipulada na constituição da República Federal da Nigéria, da qual somos parte? Estamos clamando ao governo para olhar para essa região, porque muitos cristãos estão indo parar no cemitério cedo demais pelo simples fato de serem cristãos".


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE