Fechamento de igreja causa preocupação

| 15/09/2005 - 00:00


O grupo Solidariedade Cristã Mundial, com sede no Reino Unido, descreveu como preocupante o fechamento da popular igreja Evangelho Pleno em Rangun, capital de Mianmar.

Relatos surgiram semana passada de que a igreja recebera ordens, pelas autoridades, de encerrar todas as suas atividades, incluindo seus cultos semanais.

Benedict Rogers, oficial de Investigação e Advocacia para o escritório da organização no Sul da Ásia, descreveu o fechamento como um desenvolvimento perturbador em um padrão de perseguição religiosa no país.

"No geral, a perseguição religiosa em Burma tem sido dirigida mais intensamente aos cristãos nos estados de nacionalidades étnicas, em particular Chin, Kachin, Karen e Karenni. Essa não é, entretanto, a primeira vez que igrejas em Rangun são fechadas".

Mas algumas fontes em Rangun disseram que igrejas e organizações cristãs na capital não se engajam em atividades políticas, experimentando pouca interferência do governo.

O ministro de uma igreja católica, que existe há muito tempo, disse: "As coisas aqui estão normais e nós não temos nenhum problema. Se tudo o que fazemos é cultuar e lidar apenas com a religião, não temos problemas". Ele acrescentou que as igrejas fechadas na capital podem ter sido visadas por seu envolvimento em atividades pró-democráticas.

O exército burmanês tem uma longa história de engajamento na perseguição religiosa, particularmente entre comunidades cristãs e muçulmanas, em diversos estados e áreas da fronteira.

Texto enviado por Daila Fanny.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE