Cristãos oram por comemoração sem incidentes

| 02/09/2005 - 00:00


No dia 2 de setembro, o Vietnã celebra o Dia Nacional, comemorando o 60º aniversário de sua independência. Para essa grande celebração, o governo está organizando vários eventos e desfiles, que serão assistidos por milhares de pessoas, inclusive autoridades que ocupam cargos elevados.

Há informações não-confirmadas de que o evento será perturbado por forças que se opõem ao governo e que estão sediadas fora do Vietnã. De acordo com fontes do governo, esses grupos organizarão manifestações e protestos em massa em vários lugares.

Há cerca de um mês, o governo dava "atenção especial" aos líderes cristãos para preveni-los desse possível cenário. Assim, para o governo do Vietnã, a Igreja é sempre o maior suspeito de ter envolvimento com esses movimentos de massa, porque as autoridades vietnamitas continuam a associá-la ao governo dos Estados Unidos bem como a organizações lá sediadas, como é o caso da Fundação Montagnard, que defende abertamente a independência de três províncias tribais na região central do país.

Por favor, ore para que não ocorra nenhum incidente desagradável. A última vez que uma manifestação popular violenta aconteceu foi durante o fim de semana da Páscoa de 2004, nos dias 10 e 11 de abril. Na ocasião, as igrejas foram extremamente afetadas por causa da intensa perseguição aos cristãos. O governo fechou igrejas, prendeu várias pessoas (incluindo líderes tribais cristãos e fiéis) e isolou a região central (onde vivem os montagnards), de modo que as atividades nas igrejas e outros ministérios na região foram impedidas e algumas foram temporariamente suspensas. Se isso acontecer de novo dessa vez, a expectativa é de que o cenário se repita ou seja ainda pior.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE