Violência consegue dividir muçulmanos e budistas na Tailândia

| 02/03/2005 - 00:00


Por Miguel F. Rovira Pattani (Tailândia), 2 mar (EFE).- A violência que envolve o sul da Tailândia há mais de um ano e que causou cerca de 700 mortes conseguiu dividir pela primera vez muçulmanos e budistas, após vários séculos de história de rebeliões separatistas.

Uma das primeiras coisas que chamam a atenção ao entrar no sul da Tailândia por sua fronteira com a Malásia é um grande muro publicitário com uma mensagem que diz: Bem-vindo à Tailândia. A Terra dos Sorrisos.

A mensagem deixa de ser convincente poucos metros adiante, quando começam a aparecer as primeiras patrulhas armadas de soldados e que, sem nenhum sorriso, param as pessoas nos estritos controles de segurança.

Leia mais no UOL


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE