Xeque diz que milicianos de Al-Sadr estão dispostos a morrer como márt

| 20/08/2004 - 00:00


Uma fonte próxima ao clérigo radical xiita Moqtada al-Sadr em Najaf declarou nesta quinta-feira que suas milícias estavam preparadas para morrer como mártires depois das ameaças de ofensiva lançadas pelo governo interino iraquiano. Não entregaremos as chaves do mausoléu (do imã Ali) às forças americanas porque isso será uma humilhação que nos perseguirá para sempre. Não entregaremos à polícia ou à Guarda Nacional iraquiana que violaram os santuários e derramaram o sangue dos muçulmanos, declarou à emissora de televisão por satélite Al-Jazeera o diretor do escritório de Al-Sadr em Nasiriya, o xeque Aws al-Jafagi.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE