Multidão ataca casas de cristãos na Índia

Vídeos mostram extremistas hindus gritando palavras de ódio e destruindo as casas dos cristãos

Na vila Singanpur, no estado indiano de Chhatisgarh, 15 famílias cristãs tiveram as casas destruídas. Uma multidão, com cerca de duas a três mil pessoas, atacou as casas das famílias, causando danos e agindo com violência contra os cristãos. Os líderes da aldeia acusam os seguidores de Jesus de assumirem uma religião estrangeira, o que resultou na revolta contra eles.

Durante o incidente, a polícia foi chamada, mas não conseguiu conter o grande número de aldeões. Muitos deles estavam sob efeito de álcool, nas filmagens é possível ver que o povo insulta e destrói as casas das famílias. Cerca de 75 cristãos tiveram que fugir, muitos deles foram agredidos e precisaram de atendimento médico. Veja abaixo como aconteceu o ataque: 

As famílias não voltaram para a vila e estão residindo em aldeias próximas. A polícia continua em Singanpur para evitar novos conflitos entre o povo. As famílias cristãs, mesmo abaladas, permanecem fortes na fé. “Não vou deixar Cristo. Se eu deixá-lo, morrerei, porque só Jesus oferece cura. É melhor morrer por ele. Só ele é a verdade. Estamos com medo, mas Deus está conosco”, disse uma das vítimas.

Pedidos de oração