Igreja incendiada aumenta ainda mais a fé dos cristãos

| 19/10/2015 - 00:00



19 Tanzania_0270100570
A igreja na Tanzânia tem sofrido muitos ataques e o crescimento acelerado da violência tem sido motivo de preocupação para os analistas de perseguição. Mesmo os especialistas seculares estão alertando que os ataques direcionados não devem ser ignorados.

De acordo com Andre LeSage, em um artigo publicado pelo Instituto de Estudos Estratégicos Nacionais: “não podemos descartar a possibilidade de que estes ataques podem se transformar em ‘algo mais letal e intratável’, como aconteceu no Quênia”.

Emmanuel, um dos cristãos presentes nos últimos ataques, disse: “O objetivo do diabo é destruir os filhos de Deus e impedi-los de compartilhar o Evangelho. O nosso medo e dúvida nas promessas do Senhor podem colaborar com o maligno. Foi muito doloroso tudo o que vivemos, e tristes as lágrimas que derramamos, mas também testemunhamos sinais da maravilhosa graça de Jesus em meio ao nosso sofrimento”.

“Eu acho que os incendiários pensaram que iriam nos desencorajar, mas o que eles não imaginam é que estamos muito mais fortes depois de tudo. Nossa luta não é contra carne ou contra sangue, nós lutamos espiritualmente. Confesso com alegria que o impacto foi grande, mas eu me sinto ainda mais forte para servir a esse Deus maravilhoso”, conclui Lukiza Gelazi, membro da igreja Itawa, em Bukoba.

Leia também:
Cristãos sobrevivem a vários incêndios na Tanzânia


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE