Uma família sudanesa que testemunhou o amor de Deus através de livrame

| 11/04/2004 - 00:00


Tabitha* está de cama enquanto a febre sobe e desce. Pelo menos cinco crianças morreram nos últimos dias em sua pequena cidade no sul do Sudão. Os pais de Tabitha estavam preocupados com sua doença, mas o que os oprimia ainda mais era a lembrança recente da perda de uma criança recém nascida havia apenas um mês. Eles não estavam preparados para perder outro filho.

No mês de maio de 2002, a comunidade na qual Tony*, o pai de Tabitha servia como pastor, foi violentamente desalojada pela seita Exército de Resistência do Senhor, um grupo rebelde muito conhecido por suas atrocidades no norte de Uganda e no sul do Sudão. A comunidade teve de fugir e, graças à liderança de Tony, muitas vidas foram salvas.

Depois que o Exército de Resistência foi expulso da área, as pessoas desalojadas tiveram de ficar em casas de pau-a-pique durante uns tempos. Tony ajudou a escolher o lugar de refúgio mas, naquela área em particular, havia uma grave falta de água. Pelo menos trinta crianças morreram de doenças relacionadas à água durante os meses da ocupação.

No começo, Tony e sua família ficaram no acampamento de refugiados, mas uma igreja de uma cidade vizinha pediu a ele que assumisse o ministério de uma igreja local.

Claro que Satanás não gostou daqueles melhoramentos e ensinos que resultaram no crescimento espiritual daquela igreja. Além dos inimigos que Tony tinha devido à posição firme que tomou para implementar princípios bíblicos entre a comunidade local, a morte de seu filho recém-nascido e a doença da filha o fez se sentir mais fraco.

Conhecendo o Deus que cura

O estado de Tabitha não melhorava fazia dias seguidos. Apesar de ter recebido tratamento médico, ela comia muito pouco e ficou mais fraca.

Certo sábado, Deus interveio. Tabitha estava muito fraca para ir à Escola Dominical, mas Deus aproveitou as pessoas comuns para mudar seu estado. James*, seu professor, levou toda a sua classe para a casa de Tony. Entraram no quarto de Tabitha cantando antes de orarem por ela.

A oração deles foi ouvida mais cedo do que se esperava, porque naquela mesma tarde ela juntou-se à sua classe de Escola Dominical para uma reunião na igreja. Tabitha recusou-se a ir embora antes que o sermão terminasse e, no dia seguinte, Tabitha havia recuperado o apetite e começou a comer. A doença fora derrotada.

Quando Tony e sua esposa testemunharam aquela cura milagrosa, ficaram muito animados. Deus ainda está cuidando amorosamente de sua família!

Quando Deus revelou Sua fidelidade, a congregação toda reuniu-se na igreja. Juntos eles lembraram do dia em que Jesus prometeu dar a vitória definitiva sobre todo mal. As novas canções de louvor durante o culto daquela manhã ecoaram em muitos corações bem depois do amanhecer de um novo dia.

*Nomes fictícios por segurança.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE