Casamentos que glorificam a Deus

| 15/08/2006 - 00:00


A irmã Karen* é um dos membros de nossa equipe de campo. Ela visita com regularidade as igrejas domésticas que recebem materiais da Portas Abertas, a fim de avaliar como esses materiais ajudaram no crescimento da igreja.

Na maioria de suas visitas, Karen oferece cursos de evangelismo aos obreiros da igreja. Como muitas igrejas querem mais treinamento, essa oferta abre muitas portas.

Em uma vila, em uma província ao leste, muitos dos obreiros que participaram do treinamento em evangelismo são mulheres. A maioria é casada com não-cristãos, que se mostram contrários em relação ao evangelho porque suas esposas os negligenciavam e deixavam de cuidar da casa, por estarem tão ocupadas no trabalho da igreja.

Frustração contida

Karen conta: "Depois que ensinei às alunas a teoria da evangelização, era a hora de pô-la em prática. Dividi-as em pequenos grupos de dois ou três e mandei-as visitar diferentes casas para porem em prática o evangelismo. Uma equipe acabou por visitar a casa de uma de suas integrantes. Quando as duas alunas tentaram falar sobre o amor de Deus para o marido da colega, ele apenas olhou para baixo sem dizer uma palavra. A líder da equipe tentou chamar a atenção dele, batendo a Bíblia na própria mão, e continuou encorajando-o a aceitar Jesus Cristo.

De repente, o marido abriu-se, como se fosse um dique em que as barragens tivessem sido rompidas, e começou a falar de toda sua frustração contida durante anos. Ele falou de como sua esposa negligenciou a família para servir a Deus; de como a casa nova tinha goteiras sempre que chovia e ela nem se preocupava com isso... Ele continuou sem parar... Como nada de bom viera do fato de sua esposa acreditar no evangelho, ele exigiu saber por que deveria acreditar esse evangelho.

Em meio a toda essa revelação do marido, ouvia-se a esposa orando a Deus para refrear o espírito maligno que o controlava. O fato de ela concluir que ele estava possuído por um demônio, em vez de escutar e tentar entender como ele se sentia, deixou-o ainda mais furioso!

A líder da equipe esperou até que ele ficasse um pouco mais calmo para compartilhar sua experiência pessoal. Contou-lhe como sua casa costumava ser como a dele, mas depois que a família de seu cônjuge aceitou o Senhor, eles sentiram alegria e paz, apesar de a família continuar a ser pobre. Ela enfatizou que se tornar cristão não significa tornar-se próspero, mas o importante é que teriam alegria.

Quebrando muros de resistência

A paciência e a persistência valeram a pena. Quando a líder da equipe acabou de contar sua experiência de vida e perguntou ao marido da integrante de sua equipe se ele gostaria de receber Cristo, ele não resistiu mais e concordou com a cabeça. Assim, as duas irmãs tiveram a alegria de guiá-lo na oração da salvação e, depois, em uma oração de bênção para a família.

Vejo, com freqüência, como testemunhos pessoais ajudam a quebrar os muros de resistência quando os ouvintes ficam sabendo como o evangelho transformou a vida dos que testificam. A Palavra de Deus nunca volta vazia."

As Bíblias e livros que a Portas Abertas envia para as igrejas domésticas continuam a ser uma ferramenta vital para ajudar os cristãos chineses a crescerem em sua fé e experimentarem o poder transformador da Palavra de Deus. Os cristãos chineses que encontraram a "pérola de grande valor" são evangelistas de prontidão. Temos de manter esse fogo aceso!

Motivo de oração:

 Pelos muitos casamentos abalados entre os que servem as igrejas da China. Faz parte da "maneira chinesa de ser" ignorar as tensões e os problemas matrimoniais ou imaginar que eles não existem ou desaparecerão com o tempo, em vez de trabalhar neles. Contudo, Deus quer que o casamento de seus filhos reflita sua unidade com a igreja e que também glorifique ao Senhor.

 Agradeça a Deus pelo zelo e fervor dos cristãos chineses em compartilhar o evangelho. Ore para que o sopro vivificador do Espírito Santo sopre onde se inicia a complacência, pois ainda há mais de 90% da população que deve ouvir e responder às boas novas de Jesus Cristo.

 Agradeça a Deus porque o treinamento em evangelismo, dado pelos colaboradores da Portas Abertas, tem sido bem recebido e tem dado muitos frutos. Peça a Deus para que os recursos com que suprimos as igrejas domésticas continuem a ajudar os cristãos a crescer em fé e a experimentar o poder transformador da Palavra de Deus.

*nome fictício


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE