Cristã perde marido, mas é sustentada por Deus na Nigéria

Veja como o Senhor tem transformado a vida de Cecelia e dos filhos

| 08/05/2022 - 08:00

Cecelia e Sele são gratos pelo apoio da família na fé após a morte do marido na Nigéria

Cecelia e Sele são gratos pelo apoio da família na fé após a morte do marido na Nigéria


Hoje é o Dia das Mães e a Portas Abertas deseja que todas sejam abençoadas por Deus com sabedoria, ânimo e amor. Por isso, compartilhamos agora um testemunho de uma mãe cristã na Nigéria e seus desafios em criar os filhos nos caminhos do Senhor.

Cecelia viu o sonho de ter uma família feliz ruir quando o marido Solomon foi assassinado em 2011 na cidade onde mora. “Meu marido morreu em um domingo. De manhã, ele foi ao mercado. O primo dele tinha falecido e eu estava preparando comida para levar à família enlutada”, conta a cristã. 

Cecelia e os filhos estavam esperando na casa do primo de Solomon quando aconteceu um ataque contra os cristãos na cidade: “Nós começamos a ouvir tiros em todos os lugares. Tinha muita fumaça também. Na última  ligação que tivemos, Solomom disse-me para voltar para casa e cuidar das crianças. Ele me disse que tudo na cidade estava em chamas, mas eu deveria ficar calma. Meu coração estava preocupado, eu me sentei e tentei ligar para ele várias vezes, mas o telefone não estava conectando”.

No dia seguinte, Cecelia e os familiares souberam que o marido e pai estava morto, e que o corpo fora levado para um hospital próximo. Mas quando a cristã chegou ao local, foi informada por um médico que os restos mortais de Solomon não estavam mais lá, ela saiu carregando apenas com a blusa do marido e voltou para casa.

Naquela tarde, uma pessoa chegou com uma pá para enterrar o líder da família e Cecelia começou a gritar e clamar pela perda do companheiro. “Quando meu marido estava vivo, nós vivíamos pacificamente. Ele era um agricultor e provia todas as nossas necessidades”, testemunha. De acordo com a cultura local, a viúva tornou-se inferior porque não tinha mais um esposo para cuidar dela e dos filhos.

Firme em Cristo apesar da tempestade

Cecelia não tinha escolha, assumiu a responsabilidade de sustentar os filhos e agora eles precisavam ajudá-la no cultivo da terra. Porém, a renda familiar não foi suficiente para arcar com as despesas escolares dos filhos. Logo, o futuro deles era continuar trabalhando nas poucas terras que tinham, marginalizados tanto econômica como socialmente. Mas Deus tinha um plano maior para a família.

A Portas Abertas conheceu o testemunho de Cecelia e seus filhos e graças aos parceiros espalhados pelo mundo conseguiu ajudá-los. “Eu agradeço a Deus pela Portas Abertas. Vocês sempre me visitam e me apoiam com as despesas da escola”, conclui.

A cristã e os filhos sonham com uma vida melhor e trabalham para que sejam testemunhos vivos do amor de Deus na Nigéria, apesar da violência que só aumenta no país. O motivo de tanta esperança ela revela: “Eu decidi me agarrar a Jesus”.

Um presente de Dia das Mães

Cecelia é a mãe de Sele, um adolescente de 13 anos que perdeu o pai quando tinha dois. Juntos lutam para seguir a Jesus e realizar os sonhos que Deus colocou em seus corações. Envie um cartão e encoraje a cristã e seu filho na Nigéria.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE