Continue em oração por Yklas Kabduakasov

| 23/05/2017 - 00:00


26-cazaquistao-homem-andando

Desde 2014, Yklas Kabduakasov está cumprindo uma pena de 2 anos por supostamente ""incitar o ódio"" e ""praticar uma religião extremista"". Os ""crimes"" citados são puníveis com prisão, para aqueles que seguem o cristianismo. É dessa forma que o governo enxerga os cristãos no país. O Cazaquistão ocupa, atualmente, o 43º lugar na Lista Mundial da Perseguição, onde a igreja enfrenta um governo repressivo e que é fruto de um passado comunista.

Yklas é casado, tem 8 filhos e sua família ficou sem ter como se sustentar, passando a depender da ajuda de outros cristãos. Ele trabalhava como segurança em uma empresa de construção e era conhecido como um homem piedoso e honesto. Seu único crime foi distribuir materiais evangelísticos, o que não é permitido de acordo com as leis do país. Para o governo, membros de igrejas cristãs são considerados ""seguidores de uma seita que quer espionar e destruir o sistema político atual"".

Assim como Yklas, milhares de outros cristãos vivem sob constante ameaça, vinda tanto das autoridades quanto da própria comunidade que é composta majoritariamente por muçulmanos. A conclusão da pena dele está prevista para o final deste ano, enquanto isso, a Portas Abertas o visita e várias organizações e igrejas no país estendem a mão para sua família.

Pedidos de oração

  • Ore por Yklas, pela sua saúde, bem-estar e que permaneça firme na fé.
  • Interceda pela esposa e filhos que dependem de ajuda para sobreviver.
  • Ore pela igreja no Cazaquistão e pelos cristãos perseguidos que enfrentam hostilidade.

Leia mais
Cristão cumpre pena de 2 anos por seguir a Cristo


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE