Como sauditas encontram a Cristo

Conheça Omar, um cristão que enfrentou dificuldades para frequentar e colaborar com a igreja local

| 22/01/2019 - 00:00

Após se casar, Omar enfrentou dificuldades para ser um bom cristão (foto representativa)

Após se casar, Omar enfrentou dificuldades para ser um bom cristão (foto representativa)


Não há limites que Deus não possa cruzar. Na escuridão da Arábia Saudita, na 15ª posição da Lista Mundial da Perseguição 2019, no coração do islamismo, Jesus está chamando homens e mulheres para segui-lo. Mas a igreja local está com dificuldades.

Omar é um pensador. Seus primeiros passos para o cristianismo foram por meio da leitura de livros e fazendo pesquisas. Mas ele apenas deu seu coração ao Senhor após passar algum tempo com uma família cristã estrangeira. O pai da família ajudou Omar com livros sobre Deus, além de ter discussões intensas sobre o assunto.

Aos poucos, Omar abriu os olhos para a verdade, até comprometer completamente sua vida ao Senhor. De volta para casa, ele compartilhou sua fé com a família, mas longe de sua noiva. Todos rejeitaram sua nova religião e romperam o contato. Mas Omar continuou sendo discipulado. Um trabalhador estrangeiro viu Omar como um líder em potencial, uma força que impulsionaria a igreja da Arábia Saudita.

Porém, Omar se casou e teve um filho. Ele tentou ser um bom cristão, mas encontrou dificuldades, principalmente com sua nova família. O filho passou a ser doutrinado com ensinamentos islâmicos na escola. A esposa, que ainda é muçulmana, não quer nem mesmo ouvir sobre Cristo, pois pensa ser muito perigoso não ser muçulmano no país. Ela não quer nem mesmo considerar a conversão. Com dor no coração, Omar decidiu não usar seus talentos na igreja saudita, mas sair do país com a família para poder crescer em Cristo em um novo local.

Pedidos de oração

  • Ore por Omar, para que ele possa a cada dia se fortalecer em Jesus.
  • Interceda por sua esposa e filho, para que conheçam a Cristo e se rendam a ele.
  • Apresente a igreja saudita, que ela possa atrair muitos para o amor de Jesus.

Leia também
Jovem saudita consegue asilo no Canadá
Jovem pede asilo à Austrália após deixar o islamismo
Sem comunhão, fé de cristãos sauditas é abalada


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE