A insegurança e perseguição fazem parte do dia a dia

| 20/10/2014 - 00:00


20_Somalia_0270001471

Na última quarta-feira, 15 de outubro, as explosões de dois carros-bomba mataram sete pessoas na capital da Somália, Mogadishu. A responsabilidade do ataque foi reivindicada pelo grupo radical islâmico Al-Shabaab. A primeira bomba foi detonada no carro de um oficial da inteligência e matou duas pessoas.

A segunda bomba foi acionada no estacionamento de um restaurante popular no bairro de Hamar Wayne, frequentado por estudantes, matando cinco e ferindo oito pessoas. Esta é a segunda série de explosões após a morte do líder do Al-Shabaab, Ahmed Abdi Godane.

Estes ataques de retaliação já eram esperados e devem continuar. Já não bastasse a insegurança diária à qual são submetidos, a influência dos radicais do Al Shabaab tornam a vida dos cristãos somalis ainda mais difícil: muitos são obrigados a praticar a sua fé em segredo.

Ore para que o Senhor os sustente e conforte; e lhes dê coragem para enfrentar as dificuldades. Peça também para que o Senhor trabalhe por meio do Espírito Santo e traga paz para a Somália.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE