#Shockwave2016: A igreja na Colômbia precisa de nós

| 08/09/2016 - 00:00


FotoNoticia_SW2016_8.jpg 

Pode parecer estranho, mas tão perto do Brasil já existem cristãos vivendo sob pressão, sendo ameaçados por pregar o evangelho, vivendo deslocados e até perdendo suas vidas por seguirem a Cristo. Na Colômbia, país que já ocupa a 46ª posição na Classificação da Perseguição Religiosa 2016, um cristão morreu por não ter medo de dizer a verdade. Ameaçado pelas gangues, várias vezes, ele permaneceu firme em sua missão, incentivando muitos jovens a deixar a vida criminosa. Resgatando vidas, ele foi morto na frente de sua esposa e filhos. Veja na matéria Alicerçados por uma fé inabalável.

Em algumas regiões indígenas, filhos de cristãos têm sido sequestrados. Famílias inteiras foram expulsas de suas vilas por se declararem cristãs. Há muitas regiões que já estão sob o controle de organizações criminosas e revolucionários. A igreja tem sido cada vez mais hostilizada. Segundo algumas reportagens, parece que o próprio governo colombiano está tentando eliminar a religião das esferas públicas.

Ore conosco por eles
Nossos irmãos colombianos precisam das nossas orações. Vamos orar por eles no Shockwave 2016? Entre os dias 16 a 18 de setembro, um grande movimento será realizado em favor dos cristãos perseguidos. Esse ano o tema será "Família da Fé". Faça parte desse evento da Portas Abertas, organize uma reunião de oração no local onde achar melhor, pode ser na sua igreja, em um local de trabalho ou até mesmo na sua casa. Você também pode mobilizar seus amigos a se juntarem aos cristãos perseguidos. Envolva-se! Faça agora mesmo a sua inscrição.

Leia também
#Shockwave2016: Ore pelos nossos irmãos iraquianos
#Shockwave2016: Saiba como vivem nossos irmãos na Coreia do Norte
#Shockwave2016: Irmãos eritreus precisam das nossas orações


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE