25 pessoas são expulsas de sua aldeia por não negarem a Cristo

| 21/11/2014 - 00:00


21_Laos_0310007969
Em julho, dois homens da mesma aldeia foram presos quando se recusaram a negar a Cristo e renunciar à sua fé. Agora, as famílias (que no total somam 25 pessoas) foram forçadas a deixar suas casas na vila de Ko Hai com tudo o que possuíam e ir embora.

Fontes locais afirmam que as autoridades nunca aceitaram a decisão das famílias de se converter ao cristianismo e buscaram todas as formas de fazê-los "voltar ao animismo". A maioria dos residentes na aldeia e cidades vizinhas pratica essa religião tradicional.

A situação tornou-se ainda pior com a morte de um dos anciãos, patriarca de uma das famílias expulsas, logo depois que ele foi forçado a sair de seu lar e aldeia.

O Laos ocupa a 21ª posição na Classificação da Perseguição Religiosa. É comum que cristãos, em particular os de regiões tribais, sejam presos e pressionados a renunciar sua fé. Alguns são até mortos. Conheça os pedidos de oração específicos para essa nação.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE