Blogueira cristã é condenada a 10 anos de prisão

Ela recorreu da sentença, mas sem sucesso. No entanto, não se arrepende do que escreveu

mulher-vietnamita-com-blusa-vermelha

A blogueira cristã vietnamita de 38 anos, Nguyen Ngoc Nhu Quynh, mais conhecida como ‘Me Nam’ (mãe cogumelo) é membro do grupo ativista baseado nos Estados Unidos, Viet Tan, que financiou uma de suas campanhas voltadas para o meio ambiente. Com o blog, ela já ganhou vários prêmios internacionais, como o Mulher de Coragem Internacional 2017. 

Em junho, ela foi sentenciada a dez anos de prisão por escrever contra o governo do Vietnã. Ela apelou da sentença, mas não teve êxito. Seu advogado, Le Cong Dinh, também cristão, disse: “Estou surpreso com essa pena de dez anos, que mostra a desumanidade do governo com uma jovem mãe solteira. Eu não havia percebido o estado de pânico em que o partido no poder está”. 

A blogueira não se arrepende do que escreveu, e disse: “Se pudesse viver de novo, eu faria o mesmo. Acredito que minha mãe e filhos nunca sentirão pena, mas terão orgulho de mim. Eu quero construir uma sociedade melhor, em que as pessoas tenham liberdade de expressão. Espero que elas continuem lutando, e vençam seus medos, para construir um país melhor”, concluiu. 

O Vietnã tem sido criticado por grupos de direitos humanos por seu tratamento a blogueiros – entre eles muitos cristãos. Ano passado, a Anistia Internacional disse que o Vietnã é o país do Sudeste Asiático com o maior número de prisioneiros de consciência. Ore por essa nação. 

Leia também

ONGs pedem libertação de presos de consciência

Ore por uma igreja doméstica fechada pela polícia

Conheça alguns aspectos da igreja no Vietnã