Cristãos ex-hinduístas dão testemunho de transformação

Ao decidir deixar as tradições hinduístas para seguir a Jesus, cristãos indianos mostram o poder de Deus através de sua vida

mulher-orando-india

As vestes, os brincos, os piercings e as pinturas. Tudo isso faz parte da cultura indiana que é diretamente ligada ao hinduísmo. Mesmo com alguns pontos em comum, essas tradições se modificam de acordo com a cultura, a casta e até o clima de cada região do país. Segundo colaborador da Portas Abertas, “a maioria das pessoas não tem conhecimento, e nem se preocupa mais, com essa ligação com o hinduísmo. Elas usam as vestes e acessórios apenas como estética. É a moda local”. 

Alguns costumes, porém, são deixados para trás assim que um indiano se torna cristão. Entre eles está a pintura na divisória dos cabelos das mulheres usando o pó vermelho ou laranja chamado Sindoor. Esse costume, ligado ao hinduísmo, mostra que a mulher é casada. Outros trajes muito pesados ou tradicionais também são substituídos por roupas mais leves. Essa decisão faz com que as cristãs indianas sejam perseguidas e desprezadas. 

Porém, existe uma transformação ainda mais impactante. Segundo o mesmo colaborador, a primeira coisa que se nota quando um indiano se torna cristão é o desejo de aprender a ler para poder entender a Bíblia. Inclusive aqueles que nunca puderam aprender são ajudados e abençoados por conseguirem ler sozinhos as Escrituras e, assim, fortalecer a sua fé. 

Coloque em oração os cristãos perseguidos maduros na fé para que auxiliem os novos convertidos na Índia. Peça a Deus que edifique sua igreja naquele país. 

Perseguidos, mas não abandonados
Os cristãos indianos estão sob muita pressão e precisam do apoio da família da fé para perseverar. O 
Domingo da Igreja Perseguida (DIP) é um movimento nacional de oração em favor dos cristãos perseguidos. Em 2018, o DIP acontecerá no dia 27 de maio e o nosso clamor será em favor dos cristãos perseguidos da Índia. Cadastre sua igreja! 

Leia também

Nacionalismo extremista é fonte de perseguição

Dez igrejas são fechadas na Índia