Envie um cartão para crianças colombianas indígenas

Conheça a Campanha de Cartões para 15 crianças e adolescentes que vivem na “La Casita”, um abrigo da Portas Abertas na Colômbia voltado a crianças indígenas

19-colombia-criancas-indigenas

A perseguição aos cristãos que vivem nas montanhas do norte da Colômbia está aumentando a cada dia. Ao longo de um ano, vários incidentes violentos ocorreram entre a comunidade cristã indígena. O cristianismo não é bem-visto pelas autoridades tradicionais, que demonstram isso através de várias formas de intimidação.

Em defesa de seus costumes, os líderes proíbem a expressão da fé cristã no território sob pena de prisão, tortura, privação de direitos básicos, exílio e, em alguns casos, até a morte. “Não há nenhuma exceção na lei indígena; ser cristão não é tolerado porque contraria muitos princípios, e isso está enraizado na tradição deles”, diz Javier* que é missionário na região.

É por causa desse cenário conturbado que 15 crianças e adolescentes receberam a oportunidade de morar em um local seguro: “La Casita”, um abrigo da Portas Abertas voltado a crianças indígenas. Elas pertencem à cultura arhuaco (povo que vive isolado nas montanhas), na qual as crianças dificilmente têm acesso à educação. No caso dos filhos de pais cristãos, isso é negado a eles devido à fé. Por essa razão, o projeto tem grande valor para o desenvolvimento e fortalecimento dos indígenas perseguidos nas montanhas do norte do país.

Em La Casita, as crianças cristãs estão a salvo das práticas e rituais integrados à educação tradicional indígena e têm a fé em Jesus alimentada pelo ensino bíblico, em um ambiente agradável. A Campanha de Cartões atual é para eles. Mande um cartão para as Crianças da Colômbia. Envie seu amor por meio de palavras e desenhos. Clique aqui para conferir as instruções.

*Nome alterado por motivos de segurança.

Leia também
Evangelizar a Colômbia pode custar um alto preço

 

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário

*
*
 
*
*Campos obrigatórios