América Latina também sofre com a perseguição religiosa

Guerrilheiros lutam contra a pregação do evangelho

4-mexico-0280100788

Embora uma grande parte da América Latina não conheça a perseguição religiosa, existem algumas cidades e regiões específicas que já experimentaram algumas restrições e também países que já fazem parte da Classificação da Perseguição Religiosa, como é o caso do México e da Colômbia. Muitos cristãos que são "livres" ainda nem sequer tomaram conhecimento do que tem acontecido tão perto deles. Manuel*, por exemplo, que foi chamado para pastorear uma igreja numa pequena aldeia colombiana, junto com sua família, foi surpreendido por guerrilheiros que o obrigaram a fechar as portas de seu ministério. A solução foi se reunir com os irmãos no meio da selva, onde a igreja cresceu.

"Infelizmente, os guerrilheiros descobriram Manuel, que foi ameaçado várias vezes, como ele insistiu em continuar pregando a Palavra, foi morto na frente de sua esposa e seus filhos. O recado que os rebeldes deixaram foi este ‘quem se levantar para pregar o evangelho nesse lugar receberá o mesmo tratamento que ele’. Mas a paixão que o líder cristão tinha por Jesus ficou como um legado para aquela igreja. Por isso, mesmo debaixo de novas ameaças, o ministério permanece", comenta um dos analistas de perseguição.

Tanto na Colômbia como no México, as comunidades indígenas têm a liberdade de viver de acordo com seus próprios costumes e regras. Porém, há uma igreja em crescimento no meio deles, mas quem aceita Jesus como salvador é visto como traidor da sua própria cultura pelos líderes tribais. Os que se tornam cristãos não querem mais participar de antigos ritos pagãos e festas realizadas por eles. O castigo dado pelos líderes locais é a negação de direitos básicos como água, eletricidade e assistência médica, e estes tem sido os motivos de fuga de tantos cristãos latino-americanos que vivem nestes países. Ajude-os em oração.

 

Comentários

  • LAINE BROCKMANN
    06 fev 2016 de 14:40
     

    A profecia se cumpre . . . Nos últimos dias se levantarão escarnecedores e opositores do Evangelho . . .

Deixe seu comentário

*
*
 
*
*Campos obrigatórios