#Irã: Farshid Fathi foi libertado!

"Sejam fortes e corajosos, todos vocês que esperam no Senhor!" Salmos 31.24

22-Iran-0260010377

Louvado seja Deus, há esperança no Natal! Farshid Fathi, preso há cinco anos, foi libertado ontem, dia 21.

Embora tenha sido capturado um dia após o Natal, no ano de 2010, foi condenado a seis anos de prisão apenas em 2011, acusado por "agir contra a segurança nacional", simplesmente por pertencer a uma organização cristã.

Continue orando! Peça a Deus pela segurança dele e de sua família nas próximas semanas, assim como a adaptação dele fora da prisão e por sua saúde. Clame a Deus pelos mais de 70 cristãos presos no Irã. Que o Senhor lhes conceda graça, sabedoria e os cubra com o seu amor.

Leia também
#Irã: Farshid pode ser liberto até dezembro de 2015
No Irã, mais de 20 pessoas foram presas durante o Natal

 

Comentários

  • Aurea lopes de carvalho
    28 dez 2015 de 07:43
     

    Que Deus tenha misericórdia de nós e liberte_nos do egoísmo de oraremos só pelos nossos intemmresses e que oremos pelos presos como V6 se presos estivéssemos com eles

  • Onice Alves de Oliveira
    23 dez 2015 de 08:48
     

    Deus seja louvado! Bendito é o Senhor que vem com Todo Poder e Glória, libertando o povo da escravidão do pecado, dando liberdade ao cativo e tirando das prisões de satanás. Esta é a pior prisão! Finalmente chegou o grande dia de nosso irmão ser livre, certamente o propósito do Senhor ali foi cumprido. Aleluias ao Grande Rei! JESUS!

  • Jane Lopes
    22 dez 2015 de 12:57
     

    Estamos como quem sonha. Deus ouviu nos orações. Que alegria saber que o nosso irmão está livre. Tudo é no TEMPO de Deus e para a Glória dEle. Louvamos ao Senhor em todo tempo. Feliz Natal família do Senhor. Aleluia!!!!

  • LAUDENEZ OLIVEIRA
    22 dez 2015 de 11:01
     

    Glorias a Deus !! Como é bom saber que Deus responde as orações do seu povo. Não tem presente melhor nesse natal do que ver nosso irmão em liberdade!! Obrigada Senhor pela salvação!!

Deixe seu comentário

*
*
 
*
*Campos obrigatórios