#Irã: Farshid pode ser liberto até dezembro de 2015

Cristãos iranianos se alegram com o desfecho positivo do caso do pastor Farshid, que está preso desde 2010. É possível que ele seja liberto antecipadamente

14_Iran_2014_0260010395

Farshid estava entre os 22 cristãos que foram presos em Teerã, no dia 26 de dezembro de 2010. Até abril de 2011 todos eles foram liberados, menos Farshid, que em 2012 foi condenado a seis anos de prisão, acusado por “agir contra a segurança nacional” simplesmente por pertencer a uma organização cristã.

Segundo a sentença “ele fez propaganda contra o regime islâmico e ajudou na propagação do cristianismo no país”. Se ele fosse cumprir a pena integral, ficaria detido até 2017, mas as autoridades notificaram que ele pode ser solto em dezembro de 2015.

Além de Farshid, há outros casos judiciais sendo revistos, como o do pastor Behnam Irani, que está cumprindo uma sentença de seis anos, desde abril de 2010 e agora permitiram a ele uma licença de 15 dias, mediante o pagamento de uma fiança equivalente a US$ 50 mil (cerca de R$ 150 mil). Em outros casos, os cristãos são convocados a permanecer em liberdade também sob fiança.

Os cristãos iranianos pedem orações para que Farshid realmente esteja livre em dezembro ou até antes, se Deus assim permitir. Eles também oram para que Farshid seja abençoado nesses últimos meses de prisão. Além disso, eles esperam que os prisioneiros sejam bem tratados nessas prisões. Esperam que os funcionários dessas prisões possam agir com justiça e, de alguma forma, que eles sejam impactados pelo poder do Evangelho.

O Irã é o 7º país na Classificação da Perseguição Religiosa. Sabia mais sobre o país.

Motivos de oração
• Louve a Deus pelas decisões judiciais que podem libertar nossos irmãos perseguidos da prisão no Irã.

• Agradeça a Deus pela saúde emocional do pastor Farshid. Que ele possa descansar e colher das bênçãos do Senhor durante esse período na prisão.

• Peça a Deus para que o testemunho dos mais de 75 cristãos presos frutifique entre os prisioneiros não-cristãos e os funcionários dessas prisões.

Leia mais:
Na prisão, pastor Farshid Fathi é processado
No Irã, mais de 20 pessoas foram presas durante o Natal

FontePortas Abertas Internacional
 

Comentários

  • André Oliveira
    28 jul 2015 de 23:36
     

    Lendo isso, o olho chega a se encher de lágrimas. Percebemos o quão fácil é ser cristão aqui no Brasil e tanto desprezamos, reclamamos de Deus pela vida sossegada que temos, enquanto isso esses irmãos pegam o evangelho crendo que Deus é Soberano e que a morte não os separaram do Criador. Exaltado seja o nosso Deus por isso!

  • Glória Góes S Pereira
    16 jul 2015 de 16:26
     

    Louvado seja O SENHOR! OBRIGADA Pai pela Sua Misericórdia. Que os nossos joelhos estejam sempre firme diante a sua Presença, que em nossas bocas estejam o perfeito louvor a Ti em relação os nossos irmãos perseguido. Essa é mais uma prova que O SENHOR tem escutado as orações do Seu povo. Quero agradecer O ministério PORTAS Abertas, por sempre nos manter informado a respeito aos nossos irmãos que sofrem perseguições por amor a Cristo Jesus. Deus continue derramando o Seu favor a todo aquele que está na luta em prol o Evangelho. A Paz do SENHOR Jesus à todos.

  • laudjane lopes
    15 jul 2015 de 14:25
     

    Deus ouve o nosso clamor. E os seus propósitos serão cumpridos na vida do Pastor Farshid e Saeed também. Continuemos intercedendo pelas suas vidas e dos outros que continuam presos no Irã. Deus seja louvado por todas as coisas.

  • Janaina
    15 jul 2015 de 10:48
     

    O Agir de Deus é lindo! Em oração pela vida do pastor Farshid Nunca cessar de orar por estas vidas.

Deixe seu comentário

*
*
 
*
*Campos obrigatórios