Paquistão

Com um total de 88 pontos, o Paquistão ocupa o 4º lugar na Lista Mundial da Perseguição 2017. Ano passado, o país ficou em 6o. O nível de pressão está em um nível extremo e se espalhou mais ou menos igualmente em todas as esferas da vida, mas com maior pressão sobre a igreja. Além disso, a violência aumentou consideravelmente pelo segundo ano consecutivo.

Continue lendo
O Exército continua seguindo uma política de distinção entre “bons” e “maus” extremistas islâmicos. Enquanto ele combate o último, corteja o primeiro e usa esses grupos como meio de intervenção ativa nos países vizinhos, como Afeganistão e Índia. Porém, o Exército combate os rebeldes que aderem ao Estado Islâmico (EI), cuja presença parece estar crescendo no Paquistão.

Contudo, o Talibã ainda está vivo e pode atacar, conforme mostrado na Páscoa de 2016, no bombardeio de Lahore, em que eles afirmaram explicitamente terem direcionado o ataque contra os cristãos.

As reuniões aos domingos para adoração ainda são possíveis para os cristãos, mas todas as outras atividades cristãs são fortemente desaprovadas.

Saiba mais.

 
Pedidos de oração

  • O Paquistão é uma República Islâmica e o processo islamização não cessa. O país sofre com uma infinidade de grupos islâmicos radicais. Ore para que o governo paquistanês aprove as leis que podem vir a proteger os cristãos.
  • Clame pelos cristãos ex-muçulmanos que sofrem o peso da perseguição no país. Grupos radicais islâmicos os veem como apóstatas e as suas famílias, amigos e vizinhos o veem como uma vergonha para a comunidade.
  • Cerca de 700 meninas e mulheres cristãs são raptadas por ano, frequentemente forçadas a casar com homens muçulmanos. Peça por proteção para elas.