Cristãos presos na Eritreia

  • Cristãos presos na Eritreia
  • Cristãos presos na Eritreia
  • Cristãos presos na Eritreia
  • Cristãos presos na Eritreia
  • Cristãos presos na Eritreia
  • Cristãos presos na Eritreia
  • Cristãos presos na Eritreia
  • Cristãos presos na Eritreia

Apoie cristãos presos na Eritreia

Doando 37,00, por exemplo, você apoia um cristão preso na Eritreia por um mês, oferecendo alimentos, medicamentos e literatura cristã.


Projetos da Portas Abertas visam a apoiar financeiramente cristãos, pastores e líderes presos, juntamente com seus familiares. A ajuda vem de inúmeras maneiras: distribuição de alimentos, medicamentos, livros – itens raros na Eritreia, onde um pão custa aproximadamente sete dólares.

De acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), o governo da Eritreia vem cometendo crimes contra a humanidade ao longo dos últimos anos. Prisões, torturas e violência física têm feito parte da vida de muitos cristãos. Além disso, o país tem passado por uma escassez aguda de medicamentos e também de alimentos.

Por causa da situação de pobreza e da falta de liberdade, milhares de pessoas tentam migrar para a Europa atravessando o Mar Mediterrâneo em botes que mal navegam. Centenas já morreram tentando. Cristãos que ficam no país são vigiados, pressionados a negar a fé e por vezes presos – trancados em contêineres de metal, lutam com o calor terrível durante o dia e temperaturas congelantes à noite.

A prática de prender aqueles que se reúnem ou exercem qualquer outra atividade religiosa sem a autorização do governo já causou a prisão de mais de dois mil cristãos, alguns dos quais ainda permanecem na prisão depois de 11 anos.

 

“Eu tinha apenas oito meses na fé quando fui preso e encarcerado por cinco anos e meio. Inicialmente, eu tinha pouco conhecimento de Cristo então pedi a ele para ajudar a permanecer firme na minha fé. Ele foi fiel e hoje posso testemunhar que na prisão eu cresci na fé e compreensão de Deus. Dou graças ao Senhor pelo milagre da força e orientação.” 

Tesfai (pseudônimo), cristão eritreu

 

“Hoje eu sou um verdadeiro testemunho da grande obra de Deus! Agora eu encorajo vocês, meus irmãos. Se vocês estão enfrentando uma situação difícil, lembrem-se de que Deus usa esse tempo para nos ensinar a buscá-lo através da oração e ação de graças, e nos mostrará seu poder e proteção. Lembrem-se também que muitas vezes para Deus fazer uma grande obra em nossa vida, ele  permite que passemos por situações difíceis e quase insuportáveis.”

Habtom (pseudônimo), cristão eritreu preso

 

“Não tem nos faltado alimentos e apoio financeiro por causa de sua obediência em nos apoiar em todas as nossas necessidades. Estamos muito gratos por isso e esperamos que as coisas mudem em breve para que nós sejamos capazes de dar graças a Deus e nos reunirmos com você livremente em nossa terra natal.”

Cristãos eritreus presos, em cartas a irmãos da igreja local

  • O governo ainda vê os cristãos evangélicos como espiões que pretendem ausar algum tipo de dano no país. A maioria dos cristãos precisa praticar sua fé em segredo. Ore para que o Senhor continue a edificar sua Igreja em meio a estas circunstâncias.
  • Muitos cristãos estão na prisão por sua fé ter sido descoberta. Ore para que o Senhor os sustente na prisão, fortaleça a sua fé e os incentive diariamente através do seu Espírito.
  • A Portas Abertas está envolvida com a Igreja na Eritreia buscando encorajar cristãos através da oração e oferecendo apoio bíblico e assistência prática. Ore por sabedoria à equipe local e que nossos esforços sejam um incentivo para a Igreja e que, acima de tudo, glorifiquem a Cristo.
Logo Portas Abertas

Caixa Postal 18.105
CEP 04626-970
São Paulo/SP
+55 11 2348 3330 / 2348 3331
falecom@portasabertas.org.br