Territórios Palestinos

Territórios Palestinos

  • Fonte de Perseguição: Opressão islâmica
  • Capital Jerusalém Oriental
  • Região Oriente Médio
  • Lider Mahmoud Abbas
  • Governo Democracia parlamentarista
  • Religião Islamismo
  • Pontuação 60

POPULAÇÃO
MILHÕES

POPULAÇÃO CRISTÃ
MIL

“Eu pensei que os cristãos fossem repugnantes, mas você é legal”

Jovens cristãos palestinos estão sendo usados de forma impressionante por Deus para serem luz na sociedade onde vivem
“Eu pensei que os cristãos fossem repugnantes, mas você é legal” Jovens cristãos na palestina estão mudando a imagem negativa que os locais têm dos cristãos (Foto representativa)

Encontrar novas maneiras para os jovens cristãos serem sal e a luz na sociedade palestina. Esse é o objetivo de um número crescente de grupos de jovens apoiados pela Portas Abertas na área de Belém, criados com o suporte de nossos parceiros. Alguns jovens líderes envolvidos nesses grupos compartilham como eles experimentam Deus usando-os para irradiar sua luz na sociedade.

É claro que há comida quando encontramos alguns participantes dos grupos de jovens que a Portas Abertas apoia na Cisjordânia palestina. Todos os participantes têm entre 18 e 22 anos de idade. Como em todo o Oriente Médio, aqui as relações são melhor construídas ao redor da mesa, compartilhando o jantar – um modo bíblico de se relacionar.

A Portas Abertas esteve na cidade de Belém, onde vive a maioria dos cristãos palestinos. Ali, o total de palestinos cristãos é de apenas 1% em meio a uma enorme maioria muçulmana. Fazer parte dessa minoria é uma realidade cotidiana para esses jovens cristãos. “Eu era o único cristão da minha turma. A imagem que a maioria dos muçulmanos tem dos cristãos é baseada no que eles veem nos filmes de Hollywood. Eles acham que todos os cristãos são definidos pelo abuso de álcool, vestindo roupas vulgares e uma obsessão por sexo. Então, ‘ocidental’ e ‘cristão’ são a mesma coisa para eles. Cabe a nós mostrar a verdadeira imagem de um cristão: alguém que é cheio de amor, como Cristo”, compartilha o jovem Yussef*.

Peter*, sentado ao lado do amigo, continua a discussão, explicando por que os muçulmanos palestinos são bastante mal informados sobre os cristãos: “Nos livros escolares, eles não aprendem nada sobre o cristianismo. E muitas aldeias na Cisjordânia são 100% muçulmanas. Quando eu comecei a estudar na universidade, conheci uma garota que só descobriu que conheceu um verdadeiro cristão quando descobriu a cruz que eu estava usando. Foi, então, que ela admitiu: ‘Eu pensei que os cristãos fossem repugnantes, mas você é legal’”.

*Nomes alterados por segurança.

Pedidos de Oração

  • Glorifique ao Senhor por essa geração de jovens cristãos palestinos, que, apensar das dificuldades, querem ser sal e luz na sua terra.
  • Ore por proteção e perseverança na fé para a juventude cristã nessa terra. Eles são o futuro da igreja na região. Que eles tenham ousadia de pregar o evangelho a todo homem.
  • Clame por paz e trégua nas guerras na região. Ore por cura e restauração para um povo que há tempos não desfruta de descanso.

Leia também
Cristão palestino fala sobre perdão em meio a perdas
Histórica reunião de oração
Como vivem os cristãos nos Territórios Palestinos
Canonização de dois cristãos palestinos é um gesto político e religioso
Igreja em Israel é incendiada por extremistas judeus

Logo Portas Abertas

Caixa Postal 18.105
CEP 04626-970
São Paulo/SP
+55 11 2348 3330 / 2348 3331
falecom@portasabertas.org.br