Loading...
Loading...

Portas Abertas

Há mais de 60 anos servindo cristãos perseguidos

História

Graças ao trabalho da Portas Abertas, milhões de cristãos perseguidos são apoiados e permanecem sustentados em sua fé em lugares hostis ao evangelho. Mas esse grande projeto começou um dia com um simples ato de obediência

 

A história da Portas Abertas começou quando André, aos 27 anos, participou de uma viagem à Polônia, e depois conheceu a necessidade da igreja nessa região. Anos antes, aos 21 anos, o jovem holandês havia se voluntariado como soldado na Indonésia e, após ser ferido por uma bala, começou a ler a Bíblia e se entregou ao Senhor Jesus. De volta à Holanda, dedicou sua vida à obra missionária. Em 1953, começou seus estudos em um centro de treinamento da Cruzada de Evangelização Mundial, em Glasgow, uma sociedade missionária britânica. Até que em 1955, em uma viagem à Polônia, o jovem missionário descobriu um remanescente do corpo de Cristo por trás da Cortina de Ferro com necessidade urgente de Bíblias.

Então o Irmão André – como seria conhecido mais tarde em todo o mundo – distribuiu uma mala cheia de literatura cristã marcando o humilde começo do ministério que mais tarde passou a ser chamado de Portas Abertas. Não havia planos nem passava por sua cabeça liderar um dia uma organização mundial. “Deus revelou uma necessidade a mim e eu fiz o que pude fazer. Outros se juntaram a mim, o trabalho cresceu e pessoas de outros países começaram a se envolver”, compartilha.

A rede clandestina de cristãos nativos ajuda na distribuição secreta de milhões de Bíblias a cada ano. Além disso, a Portas Abertas também treina milhares de pastores e líderes por meio de seminários e cursos e os auxilia com treinamento, distribuição e apoio socioeconômico nos países mais perigosos do mundo. O Irmão André disse: “Nossa missão se chama ‘Portas Abertas’ porque cremos que qualquer porta está aberta, a qualquer tempo e em qualquer lugar... para proclamar a Cristo (Apocalipse 3.8)”.

No Brasil, o ministério teve início em 1978, com a irmã Elmira Pasquini e outros cristãos, os quais formalizaram o escritório da Portas Abertas no Brasil em 1° de maio. O objetivo, desde então, continua o mesmo: divulgar a realidade da Igreja Perseguida e encorajar pessoas a orar, apoiar financeiramente e se engajar no serviço aos cristãos perseguidos.

Logo Portas Abertas

Caixa Postal 18.105 CEP 04626-970 São Paulo/SP
+55 11 2348 3330 / 2348 3331 falecom@portasabertas.org.br