Campanha Global Índia

CAMPANHA GLOBAL ÍNDIA

Em resposta à crescente onda de perseguição extremista, a Portas Abertas lança esta campanha global para que a igreja indiana seja apoiada e permaneça viva. Veja como participar:

VISÃO

A igreja global unida com a igreja indiana para dobrar nosso impacto, em resposta à crescente onda de perseguição extremista

 

Nos últimos anos, o hinduísmo extremista tem avançado e a perseguição se intensificado na Índia, principalmente nas aldeias e comunidades rurais onde os cristãos estão mais vulneráveis. Os nacionalistas hindus adotaram uma abordagem rápida e integrada ao hinduísmo da Índia, afetando cada arena da vida pública. Tanto a magnitude quanto a escala dos esforços dos nacionalistas extremistas hindus aumentaram rapidamente nos últimos anos e exigem uma resposta igual para combater o aumento da perseguição.

A Portas Abertas tem uma visão ousada para os próximos anos para alcançar milhões de cristãos em todos os cantos da Índia, o que requer apoio significativo por meio de aumento da oração, captação de recursos e defesa de direitos dos nossos irmãos.

Por isso, lançamos essa campanha global em prol da igreja na Índia, junto com outras bases da Portas Abertas no mundo. Nosso objetivo é, por meio da oração e apoio de cristãos em todo o mundo, combater a ascensão de nacionalistas extremistas hindus, fortalecer a igreja e ampliar nosso trabalho no campo, de modo que alcance todos os cristãos vulneráveis à perseguição na Índia

O ponto central da narrativa nacionalista é a mensagem de que "se você não é hindu, você não é indiano". Muitas questões para a igreja provêm dessa ideologia. Os principais problemas incluem:

1. A ascensão da violência dos vigilantes e o colapso do estado de direito;
2. Negligência social para com aqueles que se convertem;
3. Aumento de leis anti-conversão e leis de ofensas religiosas baseadas em blasfêmia;
4. Discriminação do código legal em relação a heranças e benefícios fiscais.

Além da combinação dessas questões, a igreja indiana é confrontada com muitas outras limitações: falta de consciência da perseguição, fraca base econômica (especialmente nas áreas rurais), falta de assistência jurídica e, por si só, incapacidade de responder às necessidades urgentes das vítimas da perseguição.

À medida que o trabalho na Índia se expande, visamos abordar essas limitações promovendo e aumentando programas de conscientização da perseguição, assistência jurídica e projetos de subsistência. Além disso, planejamos incluir outras atividades que fortalecem a igreja em todas as aldeias e comunidades para combater a influência e preparar a igreja para enfrentar a agenda nacionalista. Para conseguir este aumento significativo, esta campanha global visa um aumento significativo na cobertura de oração e incentivo para a equipe e cristãos no país, e na captação de recursos para financiar esse crescimento.

O Irmão André, fundador da Portas Abertas, sempre disse que a primeira coisa que qualquer cristão perseguido pede é "oração". Isso não mudou. Mesmo que nossos irmãos e irmãs na Índia sejam muito gratos pelo apoio financeiro de outros cristãos, é a "parte da oração" que mais os afeta. Através dela, você se envolve com Deus em nome de outra pessoa. Um presente pode ser impessoal, mas a oração sincera é sempre pessoal.

 

NOTA: Se deseja saber mais sobre a perseguição a cristãos na Índia, visite a página do país na Lista Mundial da Perseguição.

Em parceria com as igrejas locais, a Portas Abertas fortalece a igreja indiana por meio de:

• Distribuição: fornecimento de Bíblias, Bíblias Infantis, livros cristãos, manuais de treinamento e material da escola dominical para os cristãos perseguidos.

• Treinamento: treinamento de preparação para perseguição para pastores, obreiros de igrejas, mulheres, jovens, crianças e grupos familiares.

• Ajuda Socioeconômica: meios de subsistência e desenvolvimento comunitário, programas de alfabetização de adultos, educação infantil, educação vocacional e fornecimento de itens básicos e urgentes para cristãos perseguidos.

• Assistência Legal: serviços de advocacia, seminários sobre legislação e envio de equipes de ação rápida ao campo para ajudar as vítimas da perseguição.

 

“Quando eles me perseguem, eu oro. E quando oro, sei que os outros estão orando comigo.”
- KUSUM, CRISTÃ PERSEGUIDA DA ÍNDIA

 

O Taj-Mahal é um símbolo arquitetônico da Índia. Por trás dos atrativos turísticos do país, existe um cenário sombrio que muitos desconhecem

Tilak é um evangelista cristão que foi espancado e quase morreu porque levou cerca de 30 famílias a Cristo

Meena e Sunita, duas irmãs que foram brutalmente machucadas com bamboo e expulsas de sua vila, por causa da fé

Sumit, líder de jovens, frequentou o seminário da Portas Abertas e aprendeu como enfrentar a perseguição e usar seus direitos como cidadão indiano

O curso de costura é uma forma de ajudar cristãs indianas a ter uma profissão e garantir o sustento de suas famílias

Igreja incendiada por extremistas hindus em março de 2018. Instrumentos, Bíblias e a bicicleta do pastor foram consumidos pelas chamas

A perseguição a cristãos na Índia se dá especialmente nas áreas rurais, onde estão mais vulneráveis aos ataques de extremistas hindus

A Portas Abertas realiza diferentes projetos em parceria com igrejas locais para apoiar cristãos indianos, como esse de fabricação de tijolos

Sukhram e sua família foram socialmente boicotados e tiveram o acesso negado a todas as instalações públicas por causa de sua fé cristã

Logo Portas Abertas

Caixa Postal 18.105
CEP 04626-970
São Paulo/SP
+55 11 2348 3330 / 2348 3331
falecom@portasabertas.org.br